Patente do rádio – do brasileiro Landel ou do italiano Marconi?

Como Proteger Sua Marca
Você sabe o que é uma marca comercial?

Em 3 de junho de 1900, o padre gaúcho Roberto Landell de Moura emitiu um sinal de voz do bairro de Santana para a Avenida Paulista, em São Paulo, a uma distância de oito quilômetros, com o seu Aparelho Transmissor de Ondas.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Em 1901, o padre conseguiu a patente n° 3.279 para o seu aparelho “destinado a transmissão fonética a distância, com fio e sem fio, através do espaço, da terra e do elemento aquoso”. No mesmo ano, depositou um pedido de patente de sua invenção no Patent Office de Washington, obtendo-a em 1904, sob o n° 771.917.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Dois anos mais tarde, o italiano Guglielmo Marconi patenteou um transmissor mais avançado e passou para a história como o inventor do rádio. A disputa entre o padre e o italiano começara ainda no séc. XIX. Marconi registrara, em 1895, a comunicação sem fio por meio de sinais telegráficos. Mas, consta que, em 1893, o padre Landell já havia feito alguns experimentos de sucesso, mas sem tê-los patenteado.

Deixe uma resposta